Botão de Bloqueio Quebrado

Então, eu queria aproveitar esse espaço que eu tenho aqui no meu blog para pedir desculpa para a minha mãe, pelos diversos áudios que mandei para ela esses dias, com uns barulhos e sons abafados muito abstratos, que fizeram ela acreditar que eu fui sequestrado.

Desculpas também pra você, meu amigo que tenho contato no whatsapp, e acabei te mandando fotos todas pretas e talvez até mandei algum meme que estava no meu celular junto.

Foi mal, você, contato distante, que eu liguei sem querer, e mandei um e-mail com um assunto mais ou menos como “asdiojeijad…” porque eu realmente não tinha intenção. Eu totalmente respeito a seriedade do e-mail. Peço desculpas

Peço, também, que a Associação de Animais do Bairro me perdoem pelo link da previsão do tempo que eu lhes mandei. É que a inteligência artificial entendeu que eu queria compartilhar com vocês a felicidade de ser uma quarta-feira de sol. Eu sempre quero compartilhar isso, mas não dessa forma. Muito menos seguido pelos vídeos do cachorro da minha irmã que, por acidente, foram enviados diretamente a vocês. Olha só que estranha e engraçada coincidência! haha!

Por favor, me perdoe, assessor do Gilberto Gil! Eu realmente não tinha o seu número, e acabei digitando sem querer enquanto andava de bicicleta, com o celular no bolso da calça e a tela não estava bloqueada. Eu queria muito um show do grande Gilberto Gil, mas foi engano. Eu não tenho esse dinheiro, e não peguei o seu número com ninguém da Record. Foi mal mesmo.

Se, por algum motivo, eu te mandei alguma mensagem estranha nos últimos meses, caro leitor, perdão. O botão de desbloquear a tela do meu celular quebrou e, como todos os problemas da vida, a gente resolve procrastinando e pedindo desculpas. Parece que ser adulto é mais ou menos isso aí.